-
-

LONGA É A ARTE, TÃO BREVE A VIDA

-
-
-

domingo, 1 de maio de 2011

Marinha, de Aldemir Martins, 1970.

-


Navegar é preciso.

Viver não é preciso.


(Trecho do poema Navegar é preciso, de Fernando Pessoa)

-

-

2 comentários:

Tais Luso disse...

Oi, Patrick, quanto tempo... Belas estas postagens, mas como hoje quero um pouco de cor na vida, fico com Aldemir Martins, com esta sua Marinha cheia de alegria, e tons fortes. E este barco meio solitário, até dá pra pensar na vida, pensar onde devemos ancorar nosso 'barco'.

bjs
Tais Luso

aprofessoratialilian disse...

Oi Patrick, saudades de sua arte amigo.