-
-

LONGA É A ARTE, TÃO BREVE A VIDA

-
-
-

domingo, 18 de abril de 2010

Mulher, de Elisa Pena.

-

E eu já posso ter certeza:
a arte é real!




-

4 comentários:

Tais Luso disse...

Conversando com Patrick, ele com sua sensibilidade para as artes, disse-me:

" ... Escolhi a primeira obra porque gostei de ver a mão da artista criando a obra; mostra suavidade nos traços, na idéia, no nascimento mesmo da obra.

A segunda foto, a obra nasceu! Faz parte agora do mundo terrestre; saiu do plano da idéia e tornou-se obra, fato. E agora posso ter certeza: a obra é real!"

bjs, amigo, deixo aqui apenas as tuas palavras. Elas já falam por si só.

tais luso

Tertúlias... disse...

Que mágico, que inspirador... e gostei muito também do comentário de Taís... sim, ela TAMBèM com sua sensibilidade é uma pessoa que "capta" momentos... feliz fico de ver aqui tanto amor pela arte... e em alto nível!

wallper.lima disse...

Olá Patrick, quanto tempo!!!!
Gosto de ver uma obra sendo feita, pois aos poucos vamos descobrindo o que realmente o artista pretende passar...e ninguém imagina, qtas fases foram ultrapassadas até a peça ficar pronta. Tudo vai se transformando, ganhando forma, cor, luz, sombra, e acreditar que tudo isso saiu das mãos de alguém, é fantástico.
Adorei a peça, um rosto delicado, tranquilo, e ao mesmo tempo com com uma leve desproporção, e seus cabelo em cortes, passa um certo movimento.
Abraços.
Waleria Lima.

Anônimo disse...

Olá, bom dia...

Seu blog é muito bacana.
Parabéns!

Abraços Joana Pena